Marília: “Depois de oito anos é que a Prefeitura quer discutir prioridade na educação“



Para a deputada federal Marília Arraes a consulta digital que a Prefeitura do Recife disse ter realizado com 2007 recifenses sobre educação mostra o quanto o tema foi deixado em segundo plano ao longo dos oito anos de gestão do PSB.


“Uma escuta virtual, feita em final de um mandato de oito anos, sobre um tema que deveria ser prioridade, é a prova da ausência de uma política efetiva de educação na primeira infância”, analisa Marília.


A Prefeitura do Recife divulgou esta semana que realizou uma consulta digital que mostrou como principais demandas a ampliação de creches, a formação de profissionais de diversas áreas sobre primeira infância e a necessidade de levar conhecimento sobre o tema também para as famílias. As propostas vão fazer parte de um plano municipal sobre primeira infância.


Marília lembra que desde 2018 há um Marco Legal para a Primeira Infância que previa a elaboração de um plano municipal. Mesmo assim, apenas dois anos depois do marco é que se dispuseram a tentar tirá-lo do papel.


"Estamos em 2020 e nada foi feito. Nos últimos seis meses de gestão, com creches e escolas fechadas, com pais e alunos vivendo um apagão na educação, anunciam uma consulta digital. É um governo que corre atrás do prejuízo”, completa.

3 visualizações0 comentário
  • Facebook - Círculo Branco
  • Twitter - Círculo Branco
  • YouTube - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle

© 2020 Marília Arraes

Entre nessa onda

Insira seu número de Whatsapp para saber o que Marília quer para Recife